Rinconcito Peruano… a melhor comida peruana de SP!

Queridos,

Este final de semana rendeu… em apenas um dia, já consegui assunto suficiente para três posts… No sábado, o Thi e eu decidimos ir almoçar no Rinconcito Peruano, restaurante peruano super típico que fica no Centro, depois fomos tomar sorvete no Frida e Mina, e ainda conhecemos por acaso, um lindo lugar para crianças, o Mamusca (prometo posts sobre estes lugares sensacionais em breve, muito breve).

Quem me conhece sabe como eu odeio ir ao Centro… todas as vezes que vou lá algo dá errado… não acho lugar para estacionar, o GPS não funciona, me perco, passo nervoso, medo, ou seja, o caos do inferno (nossa, que exagero!). Sempre que vou lá me arrependo! Mas, estava muito a fim mesmo de conhecer este restaurante, que tem sido muito comentado e ganhou, inclusive, como melhor ceviche do ano pelo Paladar.

(Um adendo: comida peruana em SP apesar de estar na moda, é chata… os ceviches são ruins, os lugares são caros e nada é tradicional ou feito como no Peru, simples e muuuuito gostoso!)

Eis que no sábado, acordamos com a missão de chegar lá. Pensamos em ir de metrô ou de ônibus, mas como estava muito calor, decidimos ir de carro mesmo, mas antes, pesquisamos alguns estacionamentos decentes perto. E não é que deu certo? Como fica em uma travessa da Rio Branco, não é muito bizarro para ir. De dia. O estacionamento é um Estapar e fica Na Avenida Rio Branco, 408, ao lado do banco (tem outro Estapar um pouco antes, na mesma avenida, mas fecha às 14h, ou seja, você tem que comer correndo!). É só atravessar a avenida e chegou…

Você tem que subir uma escadinha comprida para chegar ao restaurante, que não tem placa na porta, mas vai sem medo, que vale a pena!

O Rinconcito é roots mesmo, destes que eu não levaria alguns amigos meus (alô, Thomas!): ambiente é super simples, limpeza não é a palavra mais frequente no local, é barulhento, mas não é nada assustador. O atendimento é bem simpático, rápido e eficiente… a comida… ai a comida… fico salivando só de lembrar!

Rinconceito Peruano: restaurante peruano no Centro Velho

 

(O ambiente, simplão)

Queríamos provar os pratos clássicos da cozinha peruana, então pedimos um ceviche misto pequeno (!), um lomo saltado e um pisco sour… O pisco sour não tinha, então fiquei só na vontade. Enquanto esperávamos, os pratos iam passando e nos deixando com mais vontade (pela cara e o cheiro ótimos) e com um certo medo (pelo tamanho, gigantes!).

Rinconcito Peruano: cardápio de restaurante peruano no Centro Velho de São Paulo

 

(O cardápio…)

O ceviche, feito com tilápia, camarão, lula, polvo e mexilhão, estava impecável! Peixe fresco, frutos do mar igualmente frescos e cozidos corretamente, acidez no ponto certo, leche de tigre de matar de bom (e feito com leche evaporada, como em alguns lugares do Peru), acompanhamentos típicos, batata, batata doce e cancha (um milho torrado e crocante, com gosto de pipoca). Ou seja, um verdadeiro desbunde (que palavra é essa?), uma explosão de sabores (que brega, hahaha), o melhor de SP, só perde para o que o Thiagão faz (quem já comeu sabe que é verdade!). Dá para comer todos os dias, é sério! Se você for lá e não comer o ceviche… bom, você não foi lá!

Ceviche do Rinconcito Peruano: restaurante peruano no Centro velho de São Paulo

 

(O maravilhoso ceviche… estrela da festa)

O lomo saltado também estava divino! A única coisa que eu mudaria é a carne, que estava um pouco passada demais, um pouco dura! Mas o molho, os legumes e a batata estavam iguais são feitos no Peru! Algumas pessoas podem achar um pouquinho salgado (inclusive eu, depois da restrição de sal da minha dieta), mas a verdade é que comida peruana é salgada e bem temperada mesmo! O molho do lomo com arroz é aquela comida reconfortante, que te faz querer comer de colher em um dia de frio (ou de calor, eu comeria em qualquer clima!)

Prato típico peruano no Rinconcito Peruano, restaurante no centro velho de São Paulo

 

(Saca só o caldinho do lomo!)

Ficamos olhando o que saía nas outras mesas e dava vontade de comer tudo, absolutamente tudo! Mas confesso que o que mais nos chamou a atenção foi o chicharrón, tudo de arrozas coisas empanadas, sequinhas, douradas, um tudo!

Quando já estávamos de barriga cheia, felizes, extasiados com a comida boa e de verdade que tínhamos comido, recebemos uma outra excelente notícia, a conta (ãhn?)… R$ 60 reais por toda essa maravilha: ceviche + lomo saltado + duas coca zero (detalhe: a quantidade de comida poderia ter alimentado mais uma pessoa, mas comemos tudo porque somos gordinhos, mesmo!). Alguém me diz onde em São Paulo você almoça deliciosamente por este preço? Só provou que preço não é significado de comida de qualidade e gostosa… porque o que comemos ali, meu amigo… Tem muito restaurante de SP que não serve comida legal assim pelo triplo do preço, comida peruana inclusive (I’m just saying…)

Rinconcito Peruano: restaurante peruano barato no Centro Velho de São Paulo

(Foto da comanda para levar no caixa e pagar a conta)

Então vá, não deixe de ir, tire todos os seus medos e preconceitos do Centro e vá! Porque incrivelmente, essa foi a minha primeira vez no Centro, em que tudo deu certo!

O que mais gostei de lá: O ceviche, o preço, o molho do lomo saltado, os garçons falando peruanês (é muito diferente do espanhol, amigo!), o PREÇO!

O que não gostei muito: A carne do lomo saltado (só faltou isso para ficar perfeito!), não ter o meu pisco sour!

Dica que vale ouro: Quem quiser ir, mas estiver na dúvida ou com medo, pode me convidar… sou uma excelente companhia… hahaha!

Rua Aurora, 451 – Santa Efigênia – (11) 3361-2400

Segundas, das 12h às 17h, terças à sábados, das 12h às 23h e aos domingos, das 12h às 21h.

Segunda: 12h – 17h

Ah! Se tiver espera, não vá embora! A fila anda super rápido!

Alguém já foi e gostou? O que acharam?

Ah! Vocês repararam nas fotos de hoje? São minhas!!!

 

 

13 comments

    • Oi Thi,
      Segunda é difícil mesmo, mas logo chega sábado para você me acompanhar e me ajudar nesta (árdua) tarefa de encontrar lugares bacanas para o blog!
      Te amo!
      Bjs!

  • Nossa, estou morreeeeeeendo de vontade de ir nesse lugar, certeza q eu e o Gansinho vamos! Vocês estão convidadíssimos!
    Super obrigada pelas dicas maravilhosas Mi, AMEI!

    • Oi Ru,
      Que bom que está gostando!
      Quando quiserem ir conhecer os lugares dos posts, é só marcar! Vai ser um prazer apresentá-los para vocês!
      Bjs!

      • Mi e Rúbia, também quero participar desta degustação… rsrs. Apesar de eu achar difícil eles superarem o ceviche do Kubota e da Mi, confio 100% no paladar de vocês! E depois da dica adicional do Kubota sobre os alfajores, eu fiquei com mais água na boca de ir à este restaurante…rsrs.

        Adorei o seu Blog Mi, parabéns!!
        Beijos

  • Mi parabens pelo blog! Esta muito legal! 🙂

    Desde o ano passado eu e a Ju passamos a explorar algumas alternativas no centro e o Riconcito é um destaque! O que mais me encanta é que é um restaurante peruano para peruanos, nao tentam fazer graça para agradar ninguém. Até mesmo por isso nao é todo mundo que curte encarar a “aventura” roots no centrao. O preco realmente é ótimo, só o preco da Inka Cola que é exagerado! Agora temos que criar uma oportunidade para matar a duvida se o ceviche do Kubota é melhor!! 😉

    • Oi Thi!
      Obrigada pelo carinho! Que bom que está gostando!
      Que legal que foram ao Rinconcito! O que comeram lá, além do ceviche? Esta parte da comida verdadeira, sem firulas, é o que eu mais gosto mesmo!
      Vamos marcar um jantar para vocês provarem o famoso ceviche do Kubota. Janeiro estarão por aqui?
      Bjs!

  • Voltei lá hoje! Galera! tem uns mini alfajorzinhos demais de sobremesa! super delicados e pouco doces. R$ 8 uma caixa com 8 peq ou 20 micros! Imperdível! Suri, la mar e cia que me perdoem, mas este lugar é “O” lugar de comida peruana em SP!

  • Oi Milena! Fomos lá hoje e adoramos! Comemos o lomo saltado também que eu amo desde que experimentei no Peru! E o preço é ótimo! Parabéns pelo blog! Super beijo!

  • Oi, Mi (não te conheço, mas já sou íntima haha).
    Vim dar meu parecer sobre o Rinconcito, de onde acabei de chegar!

    A primeira vez que fui, foi com o meu namorado, no fim de semana seguinte ao dia que postou esse texto (eu li e fiquei morrendo de vontade de ir!). Cheguei e me deparei com uma escada em frangalhos (azulejos faltando, parede sem pintura haha) e uma fila lotada de peruanos, me senti em outro país já!
    Depois de aproximadamente meia hora consegui uma mesa e entrar no restaurante, lá dentro já tive uma impressão muito melhor do lugar, todo decorado com tapeçarias peruanas! Pedimos um ceviche misto, que achei que seria maior pelo que tinha ouvido (já era umas 16h e estava com fome) MAS quando chegou o prato, arroz chaufa, agradeci muito por ter pedido o ceviche pequeno porque o arroz era enoooooooooorme!!!! Tava tudo muito bom, e o arroz com o Leche de Tigre do ceviche era a coisa mais deliciosa do mundo! A gente não aguentava mais, mas comemos até o fim porque era MUITO bom!

    Semana passada eu estava viajando e lembrei desse dia e fiquei com muita vontade de comer lá novamente, aí consegui ir hoje, mas comi o ceviche de peixe e lomo saltado. Me pareceu que o ceviche estava maior, mas pode ter sido impressão. Mais uma vez, tive o almoço dos deuses, só que sem a fila e a longa espera do prato (estava bem tranquilo) e ao som ao vivo de um peruano tocando músicas latinas! Foi muito gostoso, por fim descobrimos o delicioso alfajor deles, que parece um biscoito amanteigado com doce de leite. Trouxemos para o trabalho, para tomar com café! Muito, muito gostoso!

    Acho que escrevi muito, mas gosto muito de lugares simples e autênticos como esse! Virei fã! hahahah

    Ah, aproveito para elogiar o blog! Leio muitos posts aqui! As dicas são muito boas e a leitura do seu texto é muito prazerosa! Continue postando mais e mais! E aproveito para agradecer o bolo de rum que estava DI-VI-NO!

    Beijos,
    Tarsi.

Comments are closed.