Como Dirigir nos Estados Unidos?

É verdade que as dicas deste post sobre como dirigir nos Estados Unidos funcionam – em quase todos os casos – para o país inteiro. Mas como pode haver particularidades nas leis de trânsito de cada estado, preferi falar somente sobre a Califórnia, estado que eu conheço algumas leis de trânsito e que tive uma consultoria excelente da amiga Mary Murakoshi, que mora lá há uns cinco anos.

Reserve o seu hotel na Califórnia pelo Booking

Dirigir nos Estados Unidos pode ser um programão ou um problemão. Tudo depende de onde você irá dirigir e de como irá se comportar.
Dirigir em Manhattan, por exemplo, é uma péssima ideia, já que o trânsito é caótico, os estacionamentos são caríssimos e o transporte público funciona super bem.
Já na Califórnia dirigir faz parte da experiência e além de ser quase que obrigatório alugar um carro para explorar bem uma cidade como Los Angeles, é uma delícia percorrer as estradas cênicas do estado no seu tempo, sem pressa.

+ Faça uma torta de limão vegana sem leite condensado para comer sem culpa +

Eu já fiz cinco road trips pelos Estados Unidos. A primeira, em 2012, por Los Angeles e região. A segunda, no mesmo ano, por San Francisco e Napa Valley. A terceira foi em 2014 em Miami. A quarta, em 2015 por Oahu, no Havaí. E a mais recente e mais longa, em 2016, quando fiz Los Angeles, Palm Springs, San Diego e Orange County.

Elaborei este guia de dicas para que você não tenha problemas quando chegar lá e possa ter apenas boas lembranças do seu período na estrada.

1. Contrate todos os seguros possíveis

como dirigir nos estados unidos

A primeira dica é não economizar na hora de contratar os seguros do seu carro de aluguel e nem ocultar informações.
Caso duas pessoas forem dirigir o automóvel, é preciso informar os dados do segundo motorista, para ele constar no seguro e no documento da locação.

Eu espero que nada de errado aconteça durante a sua viagem, mas é sempre bom contratar todos os seguros possíveis, para viajar com mais tranquilidade. Mesmo sendo nos Estados Unidos, o seu carro pode ser roubado, o vidro pode ser quebrado ou você pode ficar preso em uma enchente.
Além disso, podem acontecer acidentes causados por você ou por terceiros, que podem não envolver somente o dano do veículo, como também vítimas.

Cheque também a cobertura do seguro do seu cartão de crédito, pois pode haver duplicidade entre a cobertura da locadora e do cartão de crédito.

Agora imagina a dor de cabeça e o preço de pagar o conserto de um carro ou o tratamento médico de alguém?

Contrate um seguro e de preferência não use. Mas se precisar usar, como diz uma propaganda famosa: “É melhor ter…”

E quando for alugar, dê uma olhada no site Hotwire, os preços costumam ser bem mais baixos que nas locadoras, eu já usei e gostei muito!

+ O que fazer em Los Angeles? +

2. Verifique os documentos e o estado do carro antes de sair com ele do estacionamento

como dirigir nos estados unidos
Este foi o carro que deu problema no protetor de cárter

 

Erros e pessoas mal intencionadas existem em todos os lugares do mundo.

Por isso, ao receber os documentos do carro, verifique se no contrato consta os dados corretos do carro e os dados dos motoristas.

Uma vez no Havaí, alugamos um carro e quando recebemos os documentos, constava o nome de outra pessoa e outro modelo de veículo. A atendente havia trocado o nosso contrato com o de outro cliente. Agora imagina se eu fosse parada pela polícia e estivesse com o documento errado, o trabalhão que seria para convencer o policial…

Verifique também as condições do carro para não ser penalizado por algum dano posteriormente. Veja se os pneus estão bons, se a lataria do carro tem amassados ou riscos profundos, se todos os opcionais, como rádio, GPS (hoje em dia ninguém mais usa GPS, é só comprar um chip da Easy Sim 4U para ter internet ilimitada e poder usar o Waze à vontade) e chaves estão realmente no carro, confira se há manchas ou rasgos no interior do veículo e dê uma olhada embaixo, no protetor de cárter.
Qualquer anormalidade deve estar descrita no seu contrato, caso contrário, será cobrado de você depois. E se o carro estiver muito detonado, não aceite e peça outro em melhores condições.

Vocês devem ter estranhado eu falar sobre o protetor de cárter, mas é que eu vivi uma experiência com isso em San Francisco.
Alugamos um carro que aparentemente estava em ordem, mas quando paramos no hotel para pegar algo, o manobrista nos informou que o protetor de cárter estava quebrado e que logo ia começar a vazar óleo do carro.
Nós íamos pegar a estrada no dia seguinte com aquele carro e corríamos o risco de ficar na mão, com o carro quebrado, no meio de uma highway.

Levamos o carro de volta na locadora, que depois de muito custo aceitou trocar o veículo sem nos cobrar nada a mais por isso. E ainda deram um carro bem melhor. Deu certo, mas perdemos cerca de duas horas do nosso dia só pra resolver isso.

 

3. Confira se a sua carteira de motorista está válida

como dirigir nos estados unidos
Verifique o mapa – e a validade da sua carteira de motorista

 

Você pode dirigir nos Estados Unidos portando a sua carteira de habilitação brasileira, desde que esteja válida.
É aconselhável também tirar a PID – Permissão Internacional para Dirigir, que é um documento melhor reconhecido no mundo inteiro.

Mas caso você viaje somente com a carteira de habilitação, confira se ela está válida. Isso parece besteira, mas aqui no Brasil, nós temos um mês além da data da validade da carteira para continuar usando ela, certo? Isso não acontece em nenhum outro país. Ou seja, se a sua carteira tiver vencido há uma semana, você não pode usar ela nos Estados Unidos, mesmo que ainda possa usá-la no Brasil.

Eu tenho um amigo que já passou por isso fora do Brasil e quase não conseguiu alugar a Mercedes Benz que tanto queria, pois sua carteira havia vencido há alguns dias. A road trip só não foi perdida porque a esposa dele, que detesta dirigir, estava com a carteira válida. A viagem rolou, mas ele não teve o prazer de dirigir o carrão que alugou.

 

4. Não dirija da mesma forma que você dirige no Brasil

como dirigir nos estados unidos
Já imaginou descer a milhão na Lombard Street, em San Francisco?
Não daria certo, né?

 

Eu não sei como você dirige, mas em geral, os brasileiros costumam ser muito agressivos no trânsito.
Essa agressividade traduzida em fechadas, colar na traseira do carro da frente, xingamentos, “costurar” o trânsito e buzinar muito não são toleradas nos Estados Unidos.

Em geral, as pessoas são muito mais educadas neste sentido e respeitam as regras de trânsito.

E respeitar não significa diminuir a velocidade só no radar ou avançar no sinal vermelho se ninguém tiver olhando.

Ter esses comportamentos que são comuns aqui no Brasil podem fazer um policial te parar, te dar uma multa e te fazer falar com um juiz. Parece ruim, não?
Agora imagina tudo isso em inglês? Péssimo!

 

5. Placa de PARE significa que você deve parar

como dirigir nos estados unidos
Por favor, PARE agora!

 

Responda rápido: o que você faz quando está dirigindo e vê uma placa de PARE?

A maioria das pessoas certamente responderá que diminui a velocidade, dá aquela olhadinha e avança.

Mas nos Estados Unidos é diferente. A placa de STOP requer que você pare o carro completamente, não só diminua a marcha. Além de parar, você tem que olhar atentamente para todos os lados antes de avançar, mesmo que não esteja vindo ninguém (e deixei essa parte em negrito para reforçar a importância dela).

Para ter uma ideia do que é parar mesmo, para os que dirigem ou já dirigiram carros de câmbio manual, pensa que você tem que colocar em ponto morto, olhar e aí engatar a primeira pra sair. Tipo como fez na prova da auto-escola (é claro que isso é só uma referência, já que a maioria dos carros lá são automáticos).

Eu conheço uma pessoa que mora nos Estados Unidos há muitos anos e a primeira multa que levou foi ao sair do aeroporto e só diminuir a velocidade na placa STOP. Veio um policial e não adiantou argumentar, tomou multa mesmo.

 

6. No cruzamento, espere a sua vez!

como dirigir nos estados unidos
Thiago esperando pacientemente a vez dele no cruzamento

 

Mas como saber quando é a sua vez?

Parece meio complicado, mas prestando atenção, logo você pega o jeito.

Em um cruzamento, principalmente se em todos os pontos dele tiver uma placa de STOP, os carros prosseguem por ordem de chegada. O que chegou primeiro avança primeiro, depois o segundo e assim por diante.
E não é só porque o carro da frente foi que você pode colar na traseira e ir também. Você deve esperar a sua vez, mesmo que demore muito para você passar. Como há essa regra, caso você avance antes da sua vez, pode causar um acidente.

Por isso, é preciso prestar muito atenção no trânsito, principalmente em cruzamentos. Você tem que ser rápido e estar atento para perceber a ordem de chegada e a hora em que deve avançar.

No começo você vai penar, mas depois se acostuma.

 

7. Dirija dentro da velocidade máxima indicada na via

como dirigir nos estados unidos
Eu sei que dá vontade, mas não pode acelerar fundo

 

Muitos americanos vão te falar para ‘go with the flow‘, ou seja, dirigir mais ou menos na mesma velocidade que os outros carros estão indo na estrada, para não se destacar nem por excesso nem por falta de velocidade.

E se tem uma coisa que não é muito respeitada nas estradas americanas é o limite de velocidade. Durante as minhas viagens e conversando com amigos, pude perceber isso. Se a velocidade é 55, os americanos dirigem a 65. Se é 65, estão a 75.
Isso porque dificilmente você verá um radar fixo em uma estrada da Califórnia.

Mas eu não sigo e nem recomendo que você siga a ideia do go with the flow. Sabe por quê? Porque se um policial ver você acima da velocidade, ele vai te parar e se ele te parar, a chance de você tomar uma multa é altíssima.

E diferente do Brasil, lá há muitos carros de polícia nas estradas. Não somente parados em pontos estratégicos, mas circulando por entre os carros para pegar espertinhos cometendo infrações. E os carros de polícia surgem do nada. Como eles são pretos, acabam ficando bem disfarçados no meio do trânsito e quando você vê, já estão na sua cola.

+ Veja o que fazer em 48h em Miami +

8. Se você for parado, fique calmo

como dirigir nos estados unidos
Foi com esse carro que eu fui parada em Los Angeles

 

Eu, que nunca fui parada no Brasil, vivi a experiência de ser parada por um policial em Los Angeles.
Eu estava chegando ao aeroporto e havia um bloqueio policial em uma das faixas. Como havia uma faixa ainda livre, eu reduzi a velocidade e passei pelo bloqueio. Quando fiz isso, comecei a ouvir uma gritaria e sirenes sendo ligadas atrás de mim.
Já tremendo muito, parei o carro e aguardei o policial vir falar comigo.
Ele me pediu a minha carteira de motorista e os documentos do carro, disse para colocar a marcha no “park“, mandou eu abrir o porta malas, passou um espelhinho embaixo do carro e disse para eu não sair de dentro do carro.
Então ele me perguntou porque eu não havia parado. Eu disse que não sabia que tinha que parar e por isso, só reduzi a velocidade.
Ele me fez milhares de perguntas, como o que eu fazia nos Estados Unidos, quem eram as pessoas que estavam comigo e o que estava indo fazer no aeroporto. Depois de alguns minutos, me liberou e disse para eu parar no próximo eventual bloqueio.

Apesar de eu ter ficado muito nervosa e ter tremido muito, deu tudo certo, mas o resultado poderia ter sido muito diferente.
Mantive todo o tempo as duas mãos no volante, fiquei calma e respondi a todas as perguntas do policial honestamente, educadamente, com a voz baixa e sem ironia. Pedi desculpas algumas vezes pelo erro e fiz o que ele solicitou.

Me livrei, mas poderia ter tomado, no mínimo, uma multa. E apesar da má fama de muitos policiais americanos, fui tratada com respeito. Ele foi bastante firme comigo, porém educado. O segredo para não ter maiores problemas é manter a calma e a educação, mesmo que você esteja explodindo de medo ou de raiva.

 

9. Não use o car pool sozinho

como dirigir nos estados unidos
O carpool é para quando tem 2 ou mais pessoas no carro

 

Dirigindo pela Califórnia você verá muito pelas rodovias a faixa da esquerda sinalizada como car pool.
Essas faixas são destinadas a carros com dois ou mais ocupantes somente. Elas costumam andar mais rápido que o restante das faixas, mas mesmo assim, não caia na tentação de pegá-las se estiver sozinho, pois a multa é salgada, de cerca de US$ 340.
Além do número de ocupantes do veículo, você não pode entrar e sair do car pool quando quiser. Você só pode entrar ou sair desta faixa quando houver linha pontilhada branca no chão. Caso haja a faixa dupla em amarelo você não pode entrar ou sair do car pool. Desrespeitar isso também dá multa.

Se você não conhece a estrada e tem dúvidas se haverá como sair do car pool para seguir o seu destino corretamente, nem entre. É um stress a mais que você não precisa passar. É só andar em qualquer outra faixa.

 

10. Pague o pedágio pela internet

como dirigir nos estados unidos

Rodovias pedagiadas são mais raras do que no Brasil, mas se você pegar a I-5, que corta a Califórnia praticamente toda e que liga San Diego e Los Angeles, por exemplo, é possível que trafegue em uma via pedagiada.
Mas como pagar esse pedágio, se não há cabines?

É fácil: todo o tráfego está sendo monitorado por câmeras. Depois é só você entrar no site indicado nas placas pelo caminho até cinco dias após ter passado na estrada, inserir a placa do carro e fazer o pagamento online. Simples assim.

E se o seu carro for alugado, é só informar na hora da devolução que você trafegou em via pedagiada que eles incluirão a taxa no valor do aluguel.

E se você não pagar em cinco dias? Multa de novo!

 

11. Você pode virar à direita mesmo que o farol esteja vermelho

como dirigir nos estados unidos
Yey, passei no farol vermelhor e não tomei multa!

 

Na Califórnia, na grande maioria dos casos, você pode virar à direita mesmo que o farol esteja fechado.
Você só não poderá fazer isso quando houver uma placa indicativa, caso contrário, você deve parar, verificar se não está vindo carro e aí avançar.
Mas atenção: a preferência é dos carros que estão vindo reto, que não vão virar. Ou seja, você só deve virar se não estiver vindo nenhum carro. Nada de virar entre os carros.

E virar à direita no vermelho não é uma opção pessoal. Caso você não vire, pode se preparar para levar váaaaarias buzinadas.

 

12. O pedestre tem prioridade. SEMPRE.

como dirigir nos estados unidos
Não atropele o amiguinho!

 

Ao virar à direita no farol vermelho, a última prioridade é a sua.
O que significa que primeiro você deve olhar os carros que estão vindo e em seguida, caso haja pedestres atravessando a rua, você deve parar para eles atravessarem. E nem adianta ficar estressado porque os pedestres não terão pressa pra atravessar. A prioridade é deles e eles realmente “take their time“.

Mas não é só nessa ocasião que o pedestre tem preferência.
Em qualquer faixa de pedestres sem farol, em entradas de shoppings, mercados, condomínios, o pedestre sempre tem a preferência. E também, logicamente, em faróis verdes para os pedestres.

E tome muito, mas muito cuidado, porque como isso é comum e todo mundo sabe que o carro deve parar, muitos pedestres atravessam sem nem olhar para os lados. Então mesmo que o farol esteja fechado para os transeuntes, olhe bem e saiba que você sempre deve dar passagem.

 

13. Atenção também para virar à esquerda.

como dirigir nos estados unidos

Quando você precisar virar à esquerda, verá que em alguns lugares existe uma faixa especial para isso. Essas faixas são separadas por sinalização no chão e pelo texto ONLY escrito. Isso significa que você só pode pegar aquela faixa caso vá virar (isso funciona à direita ou à esquerda).
E não adianta querer dar uma de espertinho, vir pela faixa de fora e virar em cima dos outros carros. Caso queira virar, tem que aguardar pacientemente na faixa de only, enquanto as outras faixas são exclusivamente para quem quer seguir em frente.
E quando for virar à esquerda, fique atento ao ponto seguinte deste texto…

 

14. Preste atenção nos faróis

como dirigir nos estados unidos
O mini carro que alugamos no Havaí

 

Na maioria dos cruzamentos, você verá dois ou três faróis. Um deles, o do meio, é para quem quer seguir reto (que pode ser apenas uma luz verde ou uma seta apontando para frente), o da esquerda é para quem quer virar à esquerda e o da direita, pra quem quer virar à direita. Parece fácil, não? Mas tem uma pegadinha.

Caso o farol da esquerda tenha uma seta à esquerda e ela estiver verde, significa que você pode virar à esquerda tranquilamente, sem precisar parar.
Mas se o farol da esquerda for apenas a luz verde que estamos acostumados, significa que você deve parar, olhar se não está vindo nenhum carro no sentido contrário e então, virar. Quem vem reto sempre tem prioridade.

 

15. Faixas de espera em uma via de mão dupla

como dirigir nos estados unidos
Eu toda feliz com o upgrade de carro que recebi

 

Em muitas vias de mão dupla, você vai ver no meio das duas mãos, uma faixa no meio com faixa amarela do lado de fora e linhas pontilhadas do lado de dentro.
É muito comum ver isso em entradas de shoppings, supermercados e outros centros comerciais de grande circulação de pessoas e automóveis.
Se você quiser entrar em um desses lugares e tiver uma faixa dessas em frente, significa que você pode ficar neste pedaço, aguardando o trânsito passar, para então entrar no estabelecimento.
É uma forma de não atrapalhar o trânsito e de cruzar a pista com mais segurança.

 

16. Não ultrapasse ônibus escolares

como dirigir nos estados unidos

Essa é uma coisa que eu já fiz errado e fiquei super mal depois pensando que poderia ter causado um acidente.
Quando você estiver dirigindo atrás de um ônibus escolar e o mesmo parar, você não deve ultrapassá-lo por nenhum dos dois lados.
Normalmente, quando esses ônibus param, é acesa uma luz escrita STOP atrás dele e algumas vezes, há até uma placa indicativa que sai da lateral do veículo.

O que acontece é que às vezes a criança irá atravessar pela frente do ônibus, mesmo que não haja faixa de pedestres. Ou seja, se você avançar, é capaz de acertar a criança em cheio.

Se um ônibus escolar parar na sua frente, mesmo que não tenha ninguém atravessando, não pense duas vezes. Pare e tenha paciência, siga viagem apenas quando ele andar.

 

17. Use o parquímetro para estacionar seu carro na rua

como dirigir nos estados unidos
Parquímetros em Chinatown, em San Francisco

 

Muito comum na Califórnia, os parquímetros funcionam como o nosso “Zona Azul”. Você verá que para cada vaga demarcada com faixar pintadas no chão, haverá um parquímetro e nele ou em uma placa, a indicação de quanto custa estacionar ali e por quanto tempo vale o pagamento.

Em alguns parquímetros, é preciso pagar com moedas, então sempre ande com elas no carro. Em outros, como os do centro de San Diego, aceitam pagamento em cartão de crédito, muito mais fácil e prático.

Fique atento aos horários em que é permitido parar, mesmo em vagas com parquímetro, porque em alguns deles, não é permitido parar, mesmo pagando, em todos os horários do dia.
E nem pense em não pagar o parquímetro ou ficar mais tempo que o permitido, pois é multa na certa.

Funciona assim: você estaciona o carro na vaga delimitada, vai até o parquímetro e deposita o valor correspondente em moedas ou debita do seu cartão de crédito. Aí uma luz verde vai começar a piscar no parquímetro. Isso mostra que já está valendo o tempo que você pagou. Quando este tempo acabar, a luz se torna vermelha e o guarda de trânsito consegue ver isso a alguns metros de distância. Ou seja, é melhor tirar o carro de lá ou renovar o pagamento antes da luz vermelha acender.

E também é comum encontrar parquímetros quebrados ou que não estão funcionando direito. Isso não te dá o direito de estacionar de graça! É melhor procurar outra vaga do que correr o risco de ser multado!

 

18. Abuse das suas habilidades ao estacionar

como dirigir nos estados unidos
Aposto que nenhum desses carros fez baliza

 

Uma das coisas que brasileiro sabe fazer melhor do que o americano, em geral, é manobrar carros e fazer baliza.
Em geral, as vagas dos Estados Unidos são bem maiores do que as que encontramos aqui no Brasil e feitas para se estacionar de frente.
O que acontece é que americano não está acostumado a fazer baliza, e nem aprende isso na auto-escola. Por isso, algumas vezes você verá vagas livres entre dois carros e que ninguém está parando.
Certifique-se que é permitido parar naquele local e demonstre todas as suas habilidades de manobrista.
Eu mesma parei em várias vagas que ninguém queria parar só porque era entre dois carros ou porque precisava entrar de ré. Fique de olho e sinta-se orgulhoso de suas habilidades.

 

19. Abasteça DIY o carro

como dirigir nos estados unidos
O frentista mais bonito que já vi

 

Nos Estados Unidos, não existe frentista nos postos de gasolina e você vai perceber que não é difícil abastecer o seu próprio carro.
É assim: você para na bomba de combustível, entra na lojinha de conveniência do posto e diz para o caixa da loja qual é o número da bomba e quantos dólares você quer colocar.

Lá, o combustível é medido em gallons e não em litros e eu nunca consegui saber exatamente quantos gallons iam nos carros que aluguei. Na dúvida, eu sempre colocava 30 dólares, rs…

Caso você não saiba o valor exato, assim como eu, pague em dinheiro e se sobrar dinheiro, eles te devolvem direto no caixa, sem burocracia nenhuma.

Quando a pessoa do caixa te der o ok, é só você ir na bomba, abrir o seu reservatório de gasolina e encher. Simples assim.
Quando der o valor que você pagou ou quando o tanque estiver cheio, vai parar sozinho. Aí é só você colocar a mangueira no lugar de volta e ir embora (ou voltar à lojinha para pegar o dinheiro que sobrou de volta).

Fácil, rápido e sem complicações!

 

20. O mais importante de tudo: don’t be a jerk!

como dirigir nos estados unidos
Pode até comer dentro do carro, só não pode ser um idiota!

 

Ou em um português bem claro: não seja um babaca!

Gente imbecil no trânsito existe em todo lugar, mas nos Estados Unidos eles costumam ter uma tolerância muito menor para atitudes que nós vivemos todos os dias no trânsito brasileiro.

Então, além de seguir todas as regras, faça uma auto-análise e pense em todas as ações imbecis que você já fez ou já viu alguém fazer no trânsito: colar na traseira de alguém na rodovia, costurar o trânsito, não parar para o pedestre, acelerar demais, passar no farol vermelho, buzinar, tirar fina, xingar, tirar racha, andar acima da velocidade e diminuir somente no radar, não dar seta, usar o celular enquanto dirige [insira aqui qualquer outra atitude idiota]…

Simplesmente, não faça isso, combinado?

Você não quer ver a sua linda road trip pelos States ser interrompida por uma multa ou uma bronca de um policial, certo? Então comporte-se!

 

E acima de tudo, divirta-se! Eu sei que após ler essa lista, parece muito complicado e difícil dirigir na Califórnia ou em qualquer outro estado americano, mas não é.
Basta prestar atenção, seguir as regras e eu garanto que a sua viagem de carro será inesquecível.
Todas as minhas foram!

Se tiver alguma dúvida sobre dirigir nos Estados Unidos, comente aqui e se eu souber, te ajudarei com prazer.
E me conte também sobre suas aventuras dirigindo pelos Estados Unidos. Vou adorar ler os relatos.

Ah! E se você nunca viajou de carro pelos Estados Unidos, mas tem vontade, está na hora de planejar essa viagem. Eu te garanto que é um passeio maravilhoso!

 

Leia mais posts do Magali Viajante sobre os Estados Unidos:

+ Um dia em Nova York: o que fazer em uma conexão longa na cidade
+ Balboa Park: conheça um dos parques mais legais de San Diego | Vídeo
+ Onde comer em Orange County, na Califórnia: TLT Food
+ Cabrillo National Monument: um dos lugares mais lindos de San Diego | Vídeo
+ Quanto custa viajar para San Diego?
+ Quanto custa viajar para Palm Springs?
+ O que fazer em La Jolla, na Califórnia | Vídeo
+ Katz’s Deli: o melhor corned beef de New York
+ Quanto custa viajar para o Havaí?
+ Onde se hospedar em San Diego: The Grande Colonial La Jolla

 

Reserve o seu hotel na Califórnia por esse link do Booking. Você não paga nada a mais pela reserva e o Magali Viajante ganha uma pequena comissão, o que nos ajuda a continuar trazendo informações de viagens para você!

Compre o seu seguro de viagem pela Seguros Promo. Usando o código MAGALIVIAJANTE05 você ganha 5% de desconto na sua reserva.

Tenha internet ilimitada em qualquer lugar do mundo com a Easy Sim 4U.

Gosta do Magali Viajante? Então não esquece de seguir a gente em todas as mídias sociais. Tem conteúdo exclusivo para o FacebookInstagram,TwitterYouTubeBlogLovin e Pinterest. Segue lá!