Arashiyama: Bate-Volta Romântico na Sagano Scenic Railway

Faz umas duas semanas, eu publiquei um post com dicas de passeios para quem só tem um dia em Kyoto. E um complemento bom e rápido para a sua viagem para Kyoto, mas que funciona também se você tiver mais dias disponíveis, é dar um pulo em Arashiyama, cidadezinha bem pequena e muito charmosa que fica ali perto.

+ Veja aqui as minhas dicas de Kyoto +

Aquela expressão que diz que o que importa é a jornada, e não o destino, cabe bem nessa viagem.
Uma parte da graça de Arashiyama é como você chega até lá. Você pode pegar um trem comum, de Kyoto pra lá, mas é bem mais legal pegar o Torokko, também chamado de Romantic Train,  da Sagano Scenic Railway, uma maria fumaça que vai devagarzinho, com bastante calma, passando por paisagens lindas e bucólicas, bem com a cara do Japão.

 

torokko
O Torokko

Pra pegar o Torokko, você pode pegar um trem de Kyoto até a estação de Umahori. De lá, faça uma breve caminhada até a estação Torokko Kameoka, e de lá, pegue o trem. A passagem custa 600 ienes por trecho, aproximadamente R$ 20.

tanuki
Tanukis na Estação de Kameoka: os japoneses acreditam que ele traz prosperidade

É um trem que foi criado em 1991 para incentivar o turismo na região. O trem é, na verdade, uma maria fumaça com dois vagões diferentes: o primeiro é fechado, perfeito para o inverno, porém com muitas janelas, pra você apreciar a vista durante todo o percurso. Os bancos do trem são de madeira, com a intenção de manter a atmosfera rústica e nostálgica da locomotiva.
O segundo vagão é aberto, sem janelas, o que torna a visibilidade da paisagem muito melhor. Mas eu recomendo que você vá neste vagão somente no verão, porque se estiver um pouquinho frio, o vento é insuportável.
Mas fique tranquilo: o Torokko não tem assentos marcados e você pode mudar de assento e de vagão durante a viagem. Mas lembre-se que se ele estiver muito cheio, não vai dar pra você mudar de assento, então já é bom escolher o seu assento ideal na hora em que você entrar no trem. Eu estive no Japão durante a primavera, mas o dia em que fiz o passeio estava tão frio que decidimos sentar no lado de dentro do trem.
Dica que vale ouro: na ida, sente do lado esquerdo do trem (considerando a direção que ele está indo) e na volta, do lado direito. Assim, você terá a vista mais bonita, incluindo a vista completa do rio Hozugawa.

+ Lincoln Burger: nova hamburgueria na Vila Clementino +

Durante o trajeto, você verá somente natureza. Mas é a natureza pura, bonita e símbolo do Japão. Dizem que a época mais bonita para fazer este passeio é durante o outono, no kooyo, quando as folhas das árvores adquirem tons alaranjados e avermelhados, em um visual de tirar o fôlego.
É uma paisagem romântica e bucólica, perfeita para apreciar sem pressa, com alguém especial.
No caminho, além de muitas árvores, você verá pássaros e o grande rio Hozugawa, com muitas corredeiras.

arashiyama
A vista do Torokko

Fique ligado também que em determinado ponto da viagem, do lado oposto ao que você deveria estar sentado (lembra da minha dica?) vai ter um ryokan luxuosíssimo, desses que você vai sonhar em se hospedar um dia. Ele se chama Hoshinoya e tem diárias começando em R$ 1500 por pessoa, não quarto. Se um dia você se hospedar por lá, me conte como foi, porque pra mim vai ficar só no sonho.

ryokan
Um sonho: me hospedar neste ryokan

A viagem dura uns 30 minutos e você desembarcará na estação Torokko Arashiyama Station.
Arashiyama é uma cidade pequena, mas muito charmosa. Uma vez na cidade, você pode escolher fazer algum passeio turístico, como conhecer a Floresta de Bambu, a ponte Togetsukyo ou os diversos templos de lá.
arashiyama
Mas se não quiser fazer nada disso e ter um dia mais tranquilo, você pode apenas caminhar pela cidade, comer alguma coisa e aproveitar pra namorar um pouco.
Entretanto, se tem uma coisa que você precisa ver na cidade é a Floresta de Quimonos, na estação de Arashiyama da Randen Line. Essa floresta é uma instalação feita pela artista japonesa Yasumichi Morita que mostra diferentes tipos e estampas de tecidos de quimonos e eles são dispostos de uma forma que quando acesos, ficam muito bonitos.
É um passeio gratuito, que você faz sozinho e no seu tempo. A Floresta de Quimonos é bonita em qualquer horário, mas eu recomendo que você a visite à noite, quando ela fica iluminada. Lindo demais!

floresta de quimonos
Floresta de Quimonos: o que eu mais gostei em Arashiyama

+ Vale a pena se vestir de gueixa em Kyoto? +

Se você for fazer apenas um bate-volta na cidade, quando chegar a hora de ir embora, eu recomendo que você não pegue o Torokko novamente, pois a viagem é demorada, mais cara e a paisagem será a mesma.
Vá até a estação da JR-Saga Arashiyama e pegue o trem comum de volta para Kyoto.

Pronto, o seu bate-volta até Arashiyama está completo e você pode jantar e terminar de aproveitar a noite em Kyoto, sem perder o romantismo.

Você já foi pra Arashiyama? Deixe suas dicas na caixa de comentários abaixo.

Gosta do Magali Viajante? Então não esquece de seguir a gente em todas as mídias sociais. Tem conteúdo exclusivo para o Facebook, Instagram,Twitter,YouTube e até Snapchat. Segue lá!